domingo, 25 de fevereiro de 201825/2/2018
86 9-9458-5206
Nublado
22º
25º
28º
Teresina - PI
Erro ao processar!
empresa atual
Amarante
Amarante

Diogo Costa

SAÚDE
Taxista denuncia compra de gaze por paciente no hospital de Amarante
Um taxista de Amarante, conhecido como José Esteves, denunciou nesta segunda-feira (5) o que ele chamou de “irregularidades no uso de gaze e soro fisiológico nos pacientes” do hospital de Amarante.
Diogo Costa
Postada em 06/02/2018 às 02h28 - atualizada em 06/02/2018 às 14h42
Taxista denuncia compra de gaze por paciente no hospital de Amarante

Foto : Somos Notícia

José Esteves se mostrou indignado ao afirmar que, após levar ao hospital a paciente Aparecida Sousa de Oliveira – submetida recentemente a uma cirurgia de vesícula, a mesma foi analisada pelo médico, mas foi orientada por uma atendente a comprar gaze e soro fisiológico para o uso próprio. Aparecida Oliveira, segundo o taxista, passou mal na tarde desta segunda-feira por problemas relacionados à cirurgia.


“É um absurdo! Quando chegamos lá, o médico a examinou e a atendente disse que a paciente tinha que comprar a gaze e o soro fisiológico, pois os mesmos só podem ser usados em pacientes internados. O funcionário Manoel Félix disse que para usar gaze do hospital só se o paciente quebrar a perna ou se estiver internado, caso contrário, tem que comprar tudo”, disse ele.


A afirmação do taxista foi contestada pelo hospital Dr. Francisco Ayres Cavalcante. Em contato com o funcionário Manoel Félix – da administração, o Somos Notícia foi informado que a paciente recebeu do hospital o material necessário e está sob cuidados médicos.


“Eu não disse a ele que a gaze não seria fornecida à Aparecida. Eu apenas informei que a gaze é usada em caso de vítimas de acidentes (curativos) e em pacientes que estejam internados. Nas situações de tratamentos e/ou acompanhamentos, o procedimento não é realizado no hospital, e sim na Unidade Básica de Saúde do município”, disse Manoel Félix.


Ele afirmou ainda que a paciente ficou em repouso no hospital por recomendação médica. “No caso da Aparecida, não é curativo! Ela foi analisada pelo Dr. Adonias, que a mandou ficar em repouso até melhorar seu estado de saúde”, encerrou.


 

FONTE: Somos Notícia
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium