Quarta, 26 de setembro de 201826/9/2018
86 9.9458-5206
Parcialmente nublado
23º
26º
37º
Teresina - PI
Erro ao processar!
EMPRESAS DIVERSA POSIÇÃO 1 - AGOSTO 2018
Piauí
Piauí

Notícias do Piauí

GERAL
Ex-conselheiro Xavier Neto: Justiça vai julgar ação de familiares contra o Estado
O pedido de indenização pode chegar a mais de R$ 2.000.000,00 (dois milhões de reais).
Redação
Postada em 09/04/2018 às 09h43 - atualizada em 10/04/2018 às 21h58
Ex-conselheiro Xavier Neto: Justiça vai julgar ação de familiares contra o Estado

Justiça Federal (Imagem: Divulgação)

Está conclusa para sentença desde janeiro deste ano, a ação de indenização por danos morais e materiais ajuizada contra o Estado do Piauí pelos familiares do ex-conselheiro Xavier Neto, morto em acidente aeronáutico em 06 de março de 2012, juntamente com o auditor Jaime Amorim, quando iriam cumprir atividade oficial pelo Tribunal de Contas do Estado - TCE-PI na cidade de Parnaguá. Figuram como autores, a esposa do ex-conselheiro Maria da Conceição Mendonça Xavier de Oliveira e os filhos Fábio Xavier (deputado estadual), Gustavo Xavier (secretário de Estado das Cidades), Guilherme Xavier e Alessya Xavier.


Os familiares pleiteiam o pagamento por danos morais especificamente a cada um (filhos e esposa) e de indenização por danos materiais em favor da viúva, correspondente aos rendimentos percebidos pelo falecido até a data em que o mesmo completaria 70 anos de idade.


O parecer do promotor Hugo de Sousa Cardoso é pela improcedência do pedido. Segundo ele, a viagem apesar de autorizada pelo plenário do TCE, foi realizada em aeronave particular, por opção do conselheiro.


“Conquanto o acidente tenha tido como resultado o lamentável infortúnio, a conclusão que exsurge de tais fatos é que não houve, no caso em questão, qualquer conduta da Administração (fato administrativo) que tenha causado dou contribuído para o evento danoso (falecimento) do ex-conselheiro. Ausente também, por consequência, o nexo causal entre a conduta do Poder Público e o evento danoso sofrido pelo agente públicos”, diz o parecer.


O pedido de indenização pode chegar a mais de R$ 2.000.000,00 (dois milhões de reais).


A ação será julgada pelo juízo da 2ª Vara dos Feitos da Fazenda Pública.


Outro lado


O portal GP1 informou que nenhum familiar do ex-conselheiro Xavier Neto foi localizado, nesse sábado (07), para comentar o caso.


Com informações do GP1

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

Redação
Redação

Redação

Piauí - PI
86 9-9458-5206
www.canal121.com.br

Publicidade

Publicidade

diversas 1
Facebook

Publicidade

Publicidade

nem motos segunda posição

Publicidade

Publicidade

DIVERSAS

Publicidade

Publicidade

Enquete

Nenhuma enquete cadastrada.

Publicidade

© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium