Domingo, 09 de Maio de 2021
86 9.9458-5206
Geral Covid-19

Governadores vão trabalhar para assegurar uso da Sputnik e outras vacinas

'A Sputinik tem a chance de entrega de 37 milhões de doses já contratadas e ainda outros contratos em andamento e ela vem sendo usada em 62 países', disse Wellington Dias.

29/04/2021 22h46 Atualizada há 1 semana
Por: Redação Fonte: CCom

O governador do Piauí, presidente do Consórcio Nordeste e coordenador da temática vacina no Fórum dos Governadores, Wellington Dias, ressaltou, nesta quinta-feira (29), que os governadores continuarão trabalhando para garantir que a vacina Sputnik possa ajudar a salvar vidas no Brasil, mesmo após a negativa da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Ele destacou também a busca por outras vacinas.

“Nós, os governadores, temos responsabilidade com a vida e não vamos desistir de seguir trabalhando por mais vacinas e mais vacinação no Brasil com a utilização de todas as vacinas disponíveis. A Sputinik tem a chance de entrega de 37 milhões de doses já contratadas e ainda outros contratos em andamento e ela vem sendo usada em 62 países”, reforçou Wellington Dias.

Na oportunidade, o gestor piauiense ressaltou toda a expertise dos cientistas envolvidos na produção desta vacina e na qualidade do Instituto Gamaleya, responsável pela fabricação do imunizante russo contra o coronavírus. “Por essa razão, agora, neste conflito que tivemos na liberação da licença de importação, continuaremos defendo a ciência. O Gamaleya é um instituto em funcionamento desde 1891. Apresentou a defesa de que é uma vacina segura, eficiente na imunização, não apenas na teoria mas, também, na prática e já está em uso para milhões de pessoas. Por essa razão, nós esperamos agilidade na liberação para que a vacina possa chegar no Brasil e salvar vidas”, comentou.

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias