Domingo, 09 de Maio de 2021
86 9.9458-5206
Saúde Violência

Jovem de 18 anos invade escola e mata 5 pessoas em Santa Catarina

De acordo com a polícia, o jovem entrou em unidade educacional e começou a golpear professores e alunos.

04/05/2021 15h23 Atualizada há 4 dias
Por: Redação Fonte: Estadão Conteúdo
JOCIMAR BORBA/ISHOOT/ESTADÃO CONTEÚDO
JOCIMAR BORBA/ISHOOT/ESTADÃO CONTEÚDO

Um jovem de 18 anos identificado como Fabiano Kipper Mai matou pelo menos cinco pessoas, entre elas três crianças com idades entre seis meses e dois anos, uma professora e uma funcionária ao invadir uma creche armado com um uma adaga (espada) no município de Saudades, a aproximadamente 60km de Chapecó, no oeste de Santa Catarina.

Segundo o delegado da Polícia Civil, Jerônimo Marçal Ferreira, o autor do crime, sem histórico criminal, foi até a creche Pró-Infância Aquarela, no centro da cidade, de bicicleta, por volta das 10h. Ao entrar na creche, ele começou a atacar uma professora de 30 anos que, mesmo ferida, correu para uma sala onde estavam quatro crianças e uma funcionária da escola, na tentativa de alertar sobre o perigo.

O rapaz, então, teria atacado as crianças que estavam na sala e a funcionária da escola. Duas meninas de menos de dois anos e a professora morreram no local. Outra criança e a funcionária morreram no hospital. As vítimas ainda não foram identificadas.

O Corpo de Bombeiros confirmou que ao chegar ao local, o jovem já havia sido contido por populares. Ele tinha um ferimento profundo no pescoço e perguntava sobre quantas vítimas teria conseguido atingir.

Segundo o Delegado Regional, Ricardo Casagrande, equipes de pelo menos quatro municípios estão envolvidas na investigação. Um mandado de busca e apreensão foi expedido para fazer buscas na residência do jovem.

Neste momento, uma perícia está sendo realizada no local e na casa do suspeito, que foi levado em estado grave ao Hospital de Pinhalzinho. Ele está sendo transferido para Chapecó sob forte escolta policial.

Crime choca população

O governador de Santa Catarina, Carlos Moisés (PSL), lamentou o ocorrido. 'Todas as energias das forças de segurança da região devem ser empregadas no esclarecimento desse trágico episódio', afirmou no Twitter.

 

Em sua página oficial, a governadora em exercício Daniela Reinehr também manifestou sua solidariedade às vítimas da tragédia e decretou luto oficial de três dias no Estado.

 

O time da Chapecoense publicou uma nota nas redes sociais sobre o ocorrido:

 

Saudades, um município pacato em SC

O município de Saudades tem pouco mais de 10 mil habitantes, com índice de criminalidade quase zero.

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias