Quinta, 05 de Agosto de 2021
86 9.9458-5206
Geral Piauí

Projeto de lei busca garantir o direito a visita virtual para famílias e internados com Covid-19

No Piauí, por meio da PPP Piauí Conectado, os hospitais da rede estadual já viabilizam videochamadas para famílias de pacientes internados com o novo coronavírus.

22/07/2021 15h36 Atualizada há 2 semanas
Por: Redação

O Projeto de Lei “Preciso dizer que te amo” (PL 2136/2020), que visa a implementar o direito da videochamada a pacientes hospitalizados, foi aprovado pela Câmara dos Deputados e agora segue para votação no Senado Federal. A proposta é do deputado Célio Studart, do Ceará, e foi provocada pela petição da jornalista e ativista Silvana Andrade, que perdeu a mãe para a Covid-19, em abril do ano passado e defende que todos devem ter o direito de se despedir de pessoas queridas internadas por causa do coronavírus.

O Piauí, desde maio do ano passado, já implementa a humanização do atendimento, viabilizando, através da PPP Piauí Conectado, encontros virtuais de pacientes internados com Covid e suas famílias. No Hospital Getúlio Vargas (HGV), por meio do uso de tablets e notebooks disponibilizados pela concessionária, famílias têm acesso virtualmente aos pacientes internados com a Covid-19 e os profissionais se comunicam de forma mais segura e eficiente com especialistas fora da área de isolamento na unidade de saúde. O HGV conta com a rede de internet da Piauí Conectado, que faz parte da infraestrutura do hospital desde 2019.

“É um momento muito importante para o enfrentamento do adoecimento. Assim, as famílias podem manter contato, que embora não seja presencial, é muito importante porque fortalece o vínculo, minimiza a ansiedade de estar distante e diminui o isolamento do paciente”, ressalta a psicóloga Cleidiane Pinheiro.

As visitas virtuais também foram implantadas no Hospital de Campanha do Verdão, com tablets e Wi-Fi disponibilizados pela Piauí Conectado. O Ginásio Verdão também é gerido através de uma PPP, que possibilitou a implantação de melhorias no local que foram cruciais para a estruturação e funcionamento do hospital de campanha, que ficou ativo por quatro meses e ajudou a salvar a vida de 500 piauienses durante o pico da doença em 2020 no estado.

José Fernandes foi o primeiro familiar a fazer uma visita virtual no Hospital de Campanha do Verdão. Ele ficou sem notícias da filha por dias, mas pôde falar com ela por videochamada através da ação. “Quando ela foi internada, não aguentava nem falar, estava com dificuldade por causa da respiração. Na videochamada ela já pôde conversar com a gente. Minha esposa não dormia de preocupação e após a visita ficamos mais tranquilos. Minha filha se sentiu mais segura”, afirma José Fernandes.

A superintendente da Suparc, Viviane Moura, destaca que a tecnologia vem se mostrando essencial durante o período da pandemia. “A PPP Piauí Conectado viabiliza, de forma constante e consistente, todo aparato tecnológico, seja rede de internet e até equipamentos, para contribuir com o enfrentamento da Covid-19, minimizar os problemas da população e oferecer conforto aos pacientes e famílias”, finaliza a gestora.

Ele1 - Criar site de notícias