Domingo, 26 de Setembro de 2021
86 9.9458-5206
Educação Retorno às Aulas

Piauí: escolas públicas estaduais se preparam para retorno presencial no formato híbrido

Cada escola está fazendo seu plano de retorno e, até o momento, 470 escolas já foram aprovadas para receber novamente os alunos no modelo híbrido.

02/08/2021 17h18 Atualizada há 2 meses
Por: Redação
Imagem: Divulgação Ascom
Imagem: Divulgação Ascom

Voltar à sala de aula, mesmo que por poucos minutos, foi o suficiente para trazer o sorriso e a expectativa por um novo momento aos estudantes do Centro de Educação de Tempo Integral (Ceti) Lucinete Santana, localizado no município de Paulistana. Os estudantes estiveram na escola para conhecer os novos protocolos higiênicossanitários no retorno ao ensino presencial.

O sentimento representa os estudantes das unidades de ensino da rede estadual, que iniciam no próximo dia 9 de agosto as atividades híbridas, com a oferta de aulas presenciais somadas a videoaulas.

No Ceti, os estudantes poderão voltar às aulas no Ensino Médio de Tempo Integral e o Programa Nacional de Integração da Educação Profissional com a Educação Básica na Modalidade de Educação de Jovens e Adultos (Proeja), com seis cursos, para aproximadamente 700 estudantes.

As atividades em Paulistana iniciam no dia 11 de agosto, data comemorativa do Dia do Estudante e, segundo a diretora do Ceti, Lucicleia Acioly, a definição do retorno foi uma forma de homenagear os estudantes.

"Estamos prevendo o retorno das aulas para o Dia do Estudante sendo organizado, com todo o cuidado para receber os alunos. Inicialmente teremos um quantitativo menor de alunos no primeiro momento para que os outros alunos se sintam à vontade para vir à escola", declarou.

Protocolos para o retorno

A escola realizou uma consulta aos estudantes e pais/responsáveis para identificar o quantitativo que optaram pelo formato de ensino. As opções de escolha são o formato híbrido ou optar pela continuidade no modo remoto (videoaulas e kits pedagógicos impressos).

Os estudantes que optarem por estarem presentes na sala de aula, serão organizados por turmas seriadas, utilizando neste primeiro momento a quadra e o pátio para as aulas.

"Estamos nos preparando há meses para o retorno da aula dentro de todos os protocolos de segurança direcionado pela Seduc, o retorno nos traz grande motivação tanto para nós que trabalhamos na escola quanto para os alunos. Vemos a expectativa e a vontade deles de retornarem para o chão da escola, uma vez que a escola nunca parou, atendendo aos alunos seja por atividade on-line ou impressa, então a escola sempre esteve ativa na vida de cada estudante. Agora temos a esperança de retornar e facilitar ainda mais a aprendizagem", disse Lucicléia.

Outra estratégia para informar os estudantes sobre o retorno seguro às escolas será pelas mídias digitais.

"A escola produziu vídeos informativos sobre os protocolos higiênicossanitários a serem seguidos e o distanciamento nos espaços para as redes sociais e grupos de whatsapp de sala para informar aos alunos sobre o retorno, além da divulgação nas rádios locais", afirmou a diretora.

O retorno das atividades na escola vem sendo trabalhado ao longo dos últimos meses junto aos estudantes, pais e responsáveis em relação ao trabalho pedagógico e os protocolos higiênicossanitários a serem seguidos. Desde o início da pandemia, a escola já tinha adequados os espaços com pias, dispensadores de álcool em gel e sabonete.

"Tivemos uma reunião com os pais de forma híbrida na escola no último mês e já vimos nos organizando quanto à sinalização dos espaços, informativos e itens como dispensadores de álcool em gel, sabonetes. Sempre na entrega dos kits pedagógicos enviamos um informativo aos pais sobre a retomada do ensino presencial", declarou a diretora.

Os professores do Ceti estão na preparação para este reencontro com os estudantes, como relata o professor da disciplina de química, Elismar Costa.

"Tanto os alunos quanto os professores estão ansiosos por este retorno ao ambiente escolar. Vimos como positivo pois os alunos necessitam desse contato mais próximo com os professores, a convivência com os colegas e a comunidade escolar. A presença do professor na sala de aula é muito importante junto ao aluno, imprescindível após todo esse tempo", disse.

Para este momento letivo, a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) organizou para os professores da Rede Estadual de Ensino, através do Canal Educação no YouTube, o Encontro Pedagógico. Entre os dias, 2 a 5 de agosto, os professores participarão da formação que tem objetivo de avaliar todas as ações desenvolvidas no primeiro semestre, além de discutir a 1ª fase do Programa de reforço Juntos para Avançar (PJPA).

Projeto Monitoramento em Foco

A Seduc continua realizando a avaliação das escolas quanto às adequações aos protocolos sanitários referente a volta às aulas presenciais com o Projeto "Monitoramento em Foco". Cada escola está fazendo seu plano de retorno e, até o momento, 470 escolas já foram aprovadas para receber novamente os alunos no modelo híbrido. 

Por meio do Programa de Autonomia, Cooperação das Unidades Escolares da Rede Estadual de Ensino do Piauí (Pactue), foram destinados recursos para que as escolas piauienses fizessem aquisição de equipamentos de proteção individual, álcool em gel, termômetros, tapetes sanitizantes, produtos de limpeza, realização de desinfecção do ambiente escolar, além da sinalização do prédio com informações dos protocolos de segurança a serem seguidos. 

"As aulas remotas foram muito importantes para este momento de pandemia e, agora, somando o processo de imunização aos protocolos higienicossanitários, estamos colocando à disposição das nossas escolas os recursos necessários para que possam cumprir estes protocolos. Somente em 20201, já creditamos mais de R$ 8 milhões em recursos para as escolas realizassem a higienização do espaço físico, estabelecendo condições sanitárias adequadas no combate à pandemia da Covid-19", afirma o Secretário de Educação, Ellen Gera.

Para o gestor, o retorno ao chão da escola é extremamente importante para garantir o processo de ensino aprendizagem dos estudantes que estão há muito tempo afastados do ambiente escolar. "As escolas, a partir do dia 09 de agosto, estão autorizadas a retornar presencialmente, utilizando a abordagem hibrida. Será um retorno feito com muito cuidado para garantir a saúde de todos. Toda a equipe pedagógica da Seduc está trabalhando com os diretores das escolas para o cumprimento dos protocolos de segurança. Neste momento, o retorno ainda é opcional, mas estamos atuando para, gradativamente, avançar e todos os estudantes possam estar no modelo híbrido. Logo mais, com a pandemia vencida, esperamos que os alunos possam retornar ao chão da escola", disse Ellen Gera.

Fonte: SEDUC PI

Ele1 - Criar site de notícias