Segunda, 24 de Janeiro de 2022
86 9.9458-5206
Cultura Piauí

Festluso começa dia 22 com atrações nacionais e internacionais e exigirá cartão de vacinação

O evento será realizado de 22 a 28 de novembro, com várias atrações, entre apresentações de grupos artísticos e oficinas que serão concentradas no Espaço Cultural Trilhos e no Theatro 4 de Setembro.

10/11/2021 12h32 Atualizada há 2 meses
Por: Redação Fonte: CCom
Foto: Reprodução/Secom Piauí
Foto: Reprodução/Secom Piauí

Após uma pausa de um ano, devido à pandemia, o Festival de Teatro Lusófono (Festluso) 2021 volta a ser realizado em Teresina, reunindo a cultura, tradições e saberes de artistas de países que falam a língua portuguesa. O evento será realizado de 22 a 28 de novembro, com várias atrações, entre apresentações de grupos artísticos e oficinas que serão concentradas no Espaço Cultural Trilhos e no Theatro 4 de Setembro. O público presencial será limitado e terá que apresentar cartão de vacinação, uso obrigatório de máscara facial e uso de álcool em gel. O evento tem realização do Grupo Harém de Teatro, com patrocínio do Governo do Estado do Piauí por meio do  Sistema de Incentivo à Cultura (Siec) e Equatorial Piauí.

Festluso começa dia 22 com atrações nacionais e internacionais e exigirá cartão de vacinação
Foto: Reprodução/Secom Piauí

Devido à impossibilidade de alguns países conseguirem ter entrada no país, o evento terá, pela primeira vez, transmissões ao vivo e online, além das apresentações presenciais. A direção do Festluso confirmou a participação de artistas de Portugal, Moçambique e de estados como Rio de Janeiro, Bahia, Piauí e Ceará.

O evento é gratuito e será aberto oficialmente no palco central do Espaço Cultural Trilhos, no próximo dia 22, às 19 horas. Em seguida, às 19h30, acontece a primeira apresentação do grupo de Salvador Vilavox, com a apresentação da peça “Medeia Negra”. Às 21 horas, a noite será encerrada com o grupo musical de Teresina Bia e os Becks – Universo Quenga.

No dia 23, o evento tem a apresentação teatral solo com Klemente Tsamba, de Moçambique/Portugal, com “DIZCONTOS, contos sobre migração, às 19 horas, no Trilhos.

No dia 24, o ator Chico Díaz apresenta a peça “A lua vem da Ásia”, às 19 horas, no Teatro 4 de Setembro. Às 21 horas, o show Narcoliricista, com João Lucas, no Espaço Trilhos.

No dia 25, a programação segue com a peça “Abrigo São Loucas II – a Quarentena”, do Grupo Harém, às 19 horas no Trilhos.

No dia 26, apresenta-se o grupo Coletivo de Arte, Pesquisa, Movimentos, Gerações e Ancest ralidades – CAPEMGA, com o espetáculo “Pejorativo”.

No dia 27, direto de Portugal, o grupo Folha de Medonho – Loulé apresenta o espetáculo “Chama Mãe ao Coração – Diálogos do corpo e da palavra”. Em seguida, no palco do Espaço Trilhos, a apresentação de “CorpoCatimbó”, com Zé Viana Júnior e Pai Mesquita de Ogum, do Ceará. Às 20h30, fechando o penúltimo dia do evento, espaço para a literatura e poesia piauienses com poetas do projeto “O Poeta e Sua Hora”, produzido e dirigido por Soraya Guimarães e Arimatan Martins.

A programação do dia 28 terá o espetáculo “O Quarto”, com transmissão ao vivo direto de Moçambique, com o grupo Maputo. O evento se despede com o grupo cearense Pavilhão da Magnólia com a apresentação “Há uma festa sem começo que não termina com o fim”.

O Festluso 2021 tem patrocínio do Governo do Estado do Piauí, por meio da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), Siec e Equatorial Piauí; apoio República Portuguesa – Cultura e Dg’Artes; produção: Navilouca Produções e realização: Grupo Harém de Teatro.

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias