Sábado, 13 de Julho de 2024
21°C 35°C
Água Branca, PI
Publicidade

Mel piauiense será destaque em rodada de negócios com empresas de seis países entre os dias 1º e 3 de julho

O programa Exporta Mais Brasil traz a Teresina oito compradores estrangeiros interessados no mel brasileiro.

28/06/2024 às 15h10 Atualizada em 01/07/2024 às 16h17
Por: Redação
Compartilhe:

O Piauí vai sediar, pela primeira vez, uma rodada internacional de negócios do programa Exporta Mais Brasil, programa da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil) voltado para incentivar ou ampliar as exportações. De segunda (1º) a quarta-feira (3), oito representantes de empresas estrangeiras interessadas no mel brasileiro estarão no Piauí para negociar com produtores locais e de outros estados. Esta edição do Exporta Mais é organizada em parceria com a Investe Piauí, agência de investimentos do Governo do Piauí.

Os representantes das empresas que chegam ao estado na próxima semana são do Reino Unido (uma empresa), Polônia (duas empresas), Bangladesh (duas), Espanha (uma), Tailândia (uma) e Emirados Árabes (uma). Na segunda-feira (1º) e terça-feira (2), eles visitarão os produtores de mel em Picos e Oeiras, acompanhados por técnicos do ApexBrasil e da Investe Piauí.

Na quarta-feira (3), no Hub Investe Piauí, em Teresina, os compradores terão durante todo o dia rodadas de negócios com produtores de mel e derivados de vários estados. O Piauí terá a maior participação de produtores, com seis empresas. 

O presidente da Investe Piauí, Victor Hugo, fará, às 8h da quarta,  um discurso antes das rodadas de negócios. A solenidade terá a presença ainda de representantes da Apex, da Confederação Nacional de Agricultura (CNA) e da Associação Brasileira dos Exportadores de Mel (Abemel). Às 9h, começam as negociações entre produtores e compradores. Eles se estenderão durante todo o dia.

O objetivo do evento é que as empresas produtoras de mel que já exportam alcancem novos mercados. No Piauí, o principal comprador são os Estados Unidos. 

“Será uma grande oportunidade para o Piauí mostrar ao mercado internacional o potencial de seu mel, muito valorizado no exterior por ser totalmente orgânico”, afirma Gustavo Dias, gerente de Comércio Exterior da Investe Piauí.

 

Foto: Reprodução/Secom Piauí
Foto: Reprodução/Secom Piauí

A Investe Piauí conseguiu trazer uma edição do Exporta Mais Brasil para Teresina devido à força do mel local no mercado internacional. O Piauí é o estado que mais exporta o produto, responsável por 36,6% das vendas estrangeiras em 2023, movimentando 31,2 milhões de dólares. Bem à frente do segundo lugar – Minas Gerais, com 13,3 milhões de dólares.

Foto: Reprodução/Secom Piauí
Foto: Reprodução/Secom Piauí

Os municípios de Oeiras, Picos e Simplício Mendes são os que mais exportaram no Piauí e juntos venderam mais de 10 mil toneladas de mel e derivados para mercado internacional no ano passado.

Exporta Mais Brasil

Criado em 2023, o Exporta Mais Brasil conecta empresas de diferentes setores produtivos com compradores internacionais, que vêm ao Brasil em busca de produtos e serviços ligados a setores específicos. 

No ano passado, o Exporta Mais Brasil realizou 13 edições em várias cidades do país, com a participação de 143 compradores internacionais, 487 empresas brasileiras apoiadas e R$ 275 milhões em negócios gerados.

Água Branca, PI
31°
Tempo nublado

Mín. 21° Máx. 35°

30° Sensação
3.73km/h Vento
36% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h01 Nascer do sol
05h50 Pôr do sol
Dom 34° 18°
Seg 35° 18°
Ter 35° 20°
Qua 36° 18°
Qui 36° 19°
Atualizado às 13h01
Publicidade
Anúncio
Publicidade
Anúncio
Economia
Dólar
R$ 5,43 +0,00%
Euro
R$ 5,93 +0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,05%
Bitcoin
R$ 337,350,45 +1,77%
Ibovespa
128,896,98 pts 0.47%
Publicidade
Anúncio
Publicidade
Anúncio
Publicidade
Anúncio
Publicidade
Anúncio
Lenium - Criar site de notícias