Anúncio
Tragédia

Barragem rompe e 200 pessoas estão desaparecidas em Brumadinho, em Minas Gerais

O Instituto Inhotim informou que, por segurança, está evacuando o museu.

25/01/2019 18h27Atualizado há 6 meses
Por: Redação
Barragem em Brumadinho, Minas Gerais (Imagem: Divulgação)
Barragem em Brumadinho, Minas Gerais (Imagem: Divulgação)

Nesta sexta-feira (25), uma barragem da mineradora Vale, se rompeu em meio a cidade de Brumadinho, localizado na região metropolitana de Belo Horizonte. 

O Corpo de Bombeiros confirmou em nota que cerca de 200 pessoas estão desaparecidas. No momento do colapso da estrutura, havia empregados na área administrativa, que foi atingida pelos rejeitos, "indicando a possibilidade, ainda não confirmada, de vítimas", segundo a empresa. Segundo nota do governo de Minas Gerais, duas vítimas do desabamento da barragem, mulheres de 15 e 22 anos, foram socorridas e estão em condição estável e consciente.

Já o Unidade de Pronto Atendimento em Sarzedo, município vizinho de Brumadinho, informou que até o momento recebeu oito feridos, mas não deu detalhes sobre a gravidade. 

De acordo com a corporação, 51 militares e seis aeronaves estão sendo utilizados para localizar e auxiliar vítimas da tragédia. As aeronaves também estão ajudando a resgatar pessoas que estão ilhadas por conta da lama.

Às 13h20, o Corpo de Bombeiros confirmou o rompimento da barragem. Os militares junto com o apoio dos agentes da Defesa Civil foram acionados e se dirigiram até a  região do Córrego do Feijão. A informação do chamado dos bombeiros dá conta de que trata-se possivelmente de uma barragem de rejeitos e que haveria vítimas.

De acordo com a Defesa Civil, os moradores que moram na parte mais baixa da cidade serão retirados das casas.

Fotos de populares divulgadas pelo Corpo de Bombeiros mostram a lama. Nas redes sociais, a prefeitura da cidade publicou um alerta para que a população não fique perto do leito Rio Paraopeba.

A Polícia Rodoviária Estadual informou que a MG-040, entre as cidades de Brumadinho e Mário Campos, está totalmente interditada por causa do rompimento da barragem.

Uma força-tarefa do governo de Minas Gerais já está no local do rompimento da barragem em Brumadinho, e há dois helicópteros sobrevoando a região. “O governo de Minas Gerais já designou a formação de um gabinete estratégico de crise para acompanhar de perto as ações”, disse por meio de nota. O secretário de Estado do Meio Ambiente, Germano Vieira, também está indo para o local.

O Instituto Inhotim informou que, por segurança, está evacuando o museu. “Aguardamos informações oficiais sobre o rompimento da barragem”, informou o instituto, por meio de seu perfil na rede social Twitter.

“Aguardamos informações oficiais sobre o rompimento da barragem”, informou o instituto, por meio de seu perfil na rede social Twitter.

Com 14 hectares de visitação, o parque, localizado no próprio município de Brumadinho, conta com um dos mais importantes acervos de arte contemporânea do país, além de uma coleção de espécies raras de todos os continentes.

A barragem de rejeitos da mineradora Vale na Mina do Feijão se rompeu no início da tarde desta sexta-feira. As primeiras informações indicam que os rejeitos atingiram a área administrativa da companhia e parte da comunidade da Vila Ferteco.

Com informações do MN

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Teresina - PI
Atualizado às 04h23
26°
Muitas nuvens Máxima: 34° - Mínima: 20°
28°

Sensação

3.8 km/h

Vento

84%

Umidade

Fonte: Climatempo
Anúncio
SLIDE 1 300x250
Municípios
Anúncio
Últimas notícias
POSIÇÃO 3 300 250
Mais lidas
Nova Vida - posição 4 - pequena
Anúncio