Anúncio
Trânsito

PRF aponta que mortes nas rodovias reduziram 57% em relação ao ano passado

O número de detidos por embriaguez aumentou em relação ao ano passado.

07/03/2019 10h25Atualizado há 4 meses
Por: Redação
Imagem: Divulgação
Imagem: Divulgação

Na manhã dessa quinta-feira (07/03), o programa Bom Dia Meio Norte entrevistou ao vivo o inspetor Matheus de Paula, da Polícia Rodoviária Federal (PRF), que explanou dados sobre a Operação Carnaval 2019. 

De acordo com o inspetor, os números de mortos nas rodovias diminuiu 57% em relação ao ano passado. "O planejamento foi bem feito e bem executado, nós temos uma satisfação em anunciar que oficialmente conseguimos reduzir o número de mortes nesse feriado do carnaval em um índice de 57%, então se ano passado no período carnavalesco nós tivemos 7 mortes em acidentes diversos, esse ano nós tivemos apenas três, ainda que lamentamos as três mortes mas um indicativo de que os trabalhos estão no caminho correto", declarou.

Sobre os dados gerais, o inspetor afirmou que ainda estão sendo computadorizados. "Os números ainda estão em operação, muitos dos policiais ainda estão de plantão nessa manhã, estamos aguardando a finalização dos plantões apuração de todo o estado, o que a gente onde afirmar com certeza é que o número de veículos e pessoas abordadas superam o ano anterior, assim como o número de acidentes e pessoas feridas e mortos descressem", disse.

O inspetor declarou ainda que o número de detidos por embriaguez aumentou em relação ao ano passado. "O recado da PRF foi claro para as pessoas que foram flagradas dirigindo sob efeito de álcool, teve a questão da autuação em multa que chega aos 3 mil reais. A parcial que tivemos ontem foi um número de oito pessoas que foram presas sobre o crime de dirigir sob efeito de álcool, esse número supera o do no passado. Isso mostra o rigor que estamos atuando contra as pessoas que insistem nessa prática", finalizou o inspetor.

Com informações do MN

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários