Anúncio
Lula Livre

Wellington Dias participa de ato pela liberdade de Lula em Curitiba

Wellington está acompanhado dos deputados federais petistas Assis Carvalho e Merlong Solano.

07/04/2019 20h32
Por: Rafael Gomes
(Imagem: Divulgação-RICARDO STUCKERT)
(Imagem: Divulgação-RICARDO STUCKERT)

O governador Wellington Dias (PT) acompanha neste domingo (7) a Jornada Internacional Lula Livre em Curitba, no Paraná. A manifestação acontece em frente à sede da Polícia Federal (PF), onde o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva está preso há um ano.

Wellington está acompanhado dos deputados federais petistas Assis Carvalho e Merlong Solano. O ex-candidato à presidente pelo Partido dos Trabalhadores, Fernando Haddad, também está na manifestação.

Nas redes sociais o governador disse que “o Brasil está prisioneiro de uma longa crise” econômica, política e institucional. Wellington pediu “maturidade política” para ter um país “sem crises, com democracia, respeitando a Constituição”. “Um ano. 365 dias da prisão do maior líder político do Brasil. Colocar em palavras o sentimento hoje, aqui em Curitiba, é tentar explicar o inexplicável. A emoção, a revolta, a vontade de ver o Lula livre. Líderes do Brasil e do mundo reunidos em prol da liberdade deste grande líder. Agora, é o Brasil que está prisioneiro de uma longa crise econômica trazendo recessão e desemprego, crise política e institucional, porque apostaram no caminho de rasgar a Constituição Federal. Precisamos de maturidade política. Quero, assim como milhões de brasileiros, um país sem crises, com democracia, respeitando a nossa constituição. Quero ver o Brasil acelerando crescimento e qualidade de vida, por isto a importância da liberdade de Lula”, escreveu o governador.

Com informações do GP1

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários