MANOS GRÁFICA - TOPO
TERIM - TOPO
CANAL 121 - TOPO
FUNERÁRIA NOVA VIDA - TOPO
Violência

Criminosos assaltam agência dos Correios de Água Branca; segundo caso somente este mês

Diversas barreiras policiais foram montadas, mas até o momento ninguém foi preso.

21/10/2019 19h29Atualizado há 2 meses
Por: Redação
Carro utilizado pelos criminosos (Imagem: Divulgação PMP
Carro utilizado pelos criminosos (Imagem: Divulgação PMP

A agência dos Correios da cidade de Água Branca foi alvo de criminosos na tarde desta segunda-feira (21). Quatro homens armados, em um veículo modelo Fiat Uno, branco, placa PII-3961, cometeram o assalto, por volta das 15h30. Esta é a segunda ocorrência na mesma agência somente neste mês de outubro.

De acordo com informações repassadas pelo tenente-coronel Cordeiro, comandante do 18º Batalhão de Polícia Militar, em relato do vigilante, três criminosos entraram na agência e ficaram na fila como se fossem clientes, e daí todo cliente que entrava eles faziam refém. “Ao anunciarem o assalto, já pegaram a arma e o colete do vigilante. Eles ficaram cerca de 40 minutos dentro da agência esperando o cofre abrir, pois só abre no horário programado, e ao mesmo tempo falando no telefone informando quantos minutos faltavam para o cofre abrir. Quando o cofre abriu eles chamaram o outro comparsa que estava do lado de fora no fiat uno, e então pegaram o dinheiro e fugiram e fugiram em seguida. Eles não levaram nada dos clientes, somente o dinheiro que estava no cofre da agência”, disse o comandante.

As primeiras informações são de eles os criminosos teriam fugido com destino à cidade de Hugo Napoleão.

A polícia está em diligência. Barreiras policiais em diversos sentidos foram montadas, mas até o momento não há informações sobre o paradeiro dos criminosos. Há informações também que eles possam ter fugido no sentido Teresina.

Até o momento a quantia levada pelos criminosos não foi divulgada.

CLIQUE E SIGA O CANAL 121 NO INSTAGRAM

Segundo caso

A mesma agência foi arrombada na madrugada do último dia 06 de outubro. Apesar de ficar localizada no Centro da cidade, naquela ocasião, só foi possível perceber a situação da agência na manhã do dia seguinte, quando funcionários chegaram para trabalhar.

“Eles arrebentaram o cadeado do portão e com maçarico abriram o cofre que não tinha dinheiro. Depois da tentativa de assalto a agência, os criminosos usaram o extintor de incêndio para não deixar registros digitais no local”, disse o tenente-coronel Cordeiro.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários