FUNERÁRIA NOVA VIDA - TOPO
CANAL 121 - TOPO
TERIM - TOPO
MANOS GRÁFICA - TOPO
FACULDADE UNOPAR - 04-11-2019
Governo

Governo sanciona lei que obriga SUS a oferecer diagnóstico de câncer em 30 dias

O texto foi aprovado pelo Senado no dia 16 de outubro e seguiu para sanção da Presidência da República.

Brasília

BrasíliaNOTÍCIAS DIRETO DE BRASÍLIA

02/11/2019 19h44
Por: Rafael Gomes
(Imagem: Divulgação)
(Imagem: Divulgação)

O vice-presidente Hamilton Mourão sancionou nesta quarta-feira (30), ainda no exercício da Presidência da República, a lei que obriga o Sistema Único de Saúde (SUS) a oferecer exame de diagnóstico de câncer em até 30 dias. As novas regras entram em vigor em 180 dias.

A lei sancionada por Mourão foi publicada no "Diário Oficial da União" nesta quinta-feira (31). O texto altera a lei (12.732/2012) que disciplina o tratamento do paciente com câncer no SUS.

O texto foi aprovado pelo Senado no dia 16 de outubro e seguiu para sanção da Presidência da República.

Atualmente, a lei já determina ao SUS que o primeiro tratamento deve ser ofertado ao paciente com câncer num prazo de 60 dias após o diagnóstico.

 Com informações do G1

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários