GR GÁS E ÁGUA - SÃO GONÇALO DO PIAUÍ - GASPAR
BANNER DA INTERNET - SÃO GONÇALO 2
TJR - AUTO PEÇAS - TERESINA PIAUÍ
CANAL 121 - TOPO
FUNERÁRIA NOVA VIDA - TOPO
MANOS GRÁFICA - TOPO
TERIM - TOPO
RC MOTOS - BARRO DURO - REGIS
CALÇADEIRA PÉ QUENTE
BANNER DA INTERNET - SÃO GONÇALO 1
HUT

Acidente de moto e mal súbito são os principais atendimentos no HUT

Em 2019 o mal súbito ficou em primeiro lugar dentre os principais motivos de atendimento no HUT. Foram 11.174 atendimentos.

Direto de Teresina

Direto de TeresinaNotícias de Teresina Piauí.

11/02/2020 15h55Atualizado há 1 semana
Por: Redação

“O mal súbito não é uma doença, mas um sintoma que aparece repentinamente e que pode ser causado por diversos fatores”, explica o Dr. Péricles Cerqueira, diretor técnico do Hospital de Urgência de Teresina (HUT).  “A pessoa pode perder a consciência e necessitar com urgência de atendimento médico. Um mal-estar repentino, sem causa aparente, é classificado como mal súbito. Após a realização dos exames e do fechamento do diagnóstico é possível dar um direcionamento para o tratamento do paciente”, esclareceu.

Em 2019 o mal súbito ficou em primeiro lugar dentre os principais motivos de atendimento no HUT. Foram 11.174 atendimentos, o que corresponde a 19% do atendimento geral do Hospital nesse mesmo período. Em segundo lugar veio o acidente com motocicleta, com 9.074 atendimentos, 16% do atendimento geral. O terceiro motivo foi corpo estranho no olho, com 4.756 atendimentos, o que correspondeu a 8% do atendimento geral.

SIGA O CANAL 121 NO INSTAGRAM

Dentre esses principais motivos, o acidente com motocicleta chama atenção, pois geralmente são pacientes muito graves que necessitam de um atendimento com um maior número de especialistas envolvidos. De acordo com Dr. Péricles, o HUT possui uma equipe especializada no atendimento de pacientes vítimas de trauma 24 horas por dia.

“Temos equipes especializadas no trauma para atender essa demanda com mais segurança e qualidade. Esses profissionais são preparados para receber esse tipo de paciente e dar agilidade ao atendimento. O tempo nesse tipo de atendimento é crucial para o sucesso da assistência. Além dos profissionais, temos equipamentos que fazem toda a diferença na hora de fechar o diagnóstico”, comentou Dr. Péricles.

Corpo estranho no olho também chamou atenção pela quantidade de atendimentos realizados. O oftalmologista Igor Marcelos disse que as principais demandas atendidas no setor são relacionadas a acidentes de trabalho. “São pessoas que não utilizam equipamento de proteção adequada e apresentam corpo estranho no olho, geralmente metálico. Outras demandas que aparecem bastante são acidentes de moto, com pessoas que não usam capacete e sofrem traumas na região ocular”, afirma.

Já os casos cirúrgicos mais frequentes são relacionados à laceração de córnea. “A córnea é a primeira camada do olho, por isso é muito comum essa camada ser atingida por traumas. O procedimento envolve a reconstrução das estruturas por sutura para evitar que o olho fique aberto, perca conteúdo intraocular ou mesmo sofra uma infecção”, explica o médico.

Para estes casos que necessitam de cirurgia, o HUT possui no seu centro cirúrgico uma sala equipada com um microscópio óptico adequado para atender esse tipo de demanda, especialmente de trauma ocular. O hospital conta com equipamentos modernos e que permitem a realização de procedimentos de alta precisão.

Somente em 2019 foram 6.509 atendimentos de vítimas de queda, um aumento de 2,2%, se comparado com 2018. O HUT realiza por mês uma média de 5 mil atendimentos e 1.200 cirurgias.

 Fonte: Prefeitura de Teresina