CALÇADEIRA PÉ QUENTE
CANAL 121 - TOPO
RC MOTOS - BARRO DURO - REGIS
BANNER DA INTERNET - SÃO GONÇALO 1
TJR - AUTO PEÇAS - TERESINA PIAUÍ
GR GÁS E ÁGUA - SÃO GONÇALO DO PIAUÍ - GASPAR
BANNER DA INTERNET - SÃO GONÇALO 2
TERIM - TOPO
FUNERÁRIA NOVA VIDA - TOPO
MANOS GRÁFICA - TOPO
Alvará

Sttram retira alvarás de mototaxistas e taxistas até dia 30 de março, em Picos

O alvará permite a regulamentado do profissional e, que possam exercer o trabalho na cidade

15/01/2020 13h34Atualizado há 2 semanas
Por: Jucelma Sales
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A Secretario de Trânsito, Transporte e Mobilidade Urbana ( STTRAM) iniciou desde o dia 02 de janeiro o cadastro para retirada dos alvarás de mototaxistas e taxistas em Picos.

O alvará permite a regulamentado do profissional e, que possam exercer o trabalho na cidade. A renovação e os novos cadastros dos alvarás será até o dia 30 de março.

De acordo com informações pelo secretário de Trânsito, Transporte e Mobilidade Urbana( STTRAM), Edilberto Cirilo, para renova e cadastrar o alvará deve está com as seguintes documentação: Documento  do veículo e, pessoal e ainda atestado de antecedentes criminais. “Essa documentação é necessária e,  todo ano é pedida”, disse .

Em relação a taxa cobrada para retirada do alvará o Secretário Edilberto Cirilo, afirma que o valor estipulado é por conta da Secretaria Municipal de Finanças.

” Continua o mesmo preço do ano passado. Isso vale para as pessoas que já estão atuando e para aqueles que querem atuar  .  Só vai ser liberado os alvarás para as pessoas que tiverem condições de trabalhar, quem tiver com o veiculo em dias, e não tenham  antecedentes criminais e ainda que possuam curso próprio para atuar na área”, explicou.

O Secretária destaca que o alvará é uma estabilidade para o passageiro,  profissional.

“O alvará é uma garantia para o passageiro, como para o mototaxista  e pedimos para que usem trasporte clandestino, porque a partir do momento que se passar a trasportar trasporte clandestino, está tirando a autoridade de fiscalização  e, se a população não colaborar, não estiver junto nesse projeto, é muito difícil somente pra nós resolver o problema’, concluiu.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários